GerbilECia no Insta

Milho - Pode ou não pode?

Imagem de raul9000 no Flickr

Resolvi fazer um post unicamente sobre o milho para esclarecer o uso dele na alimentação dos gerbos e hamsters.


Muita gente pergunta "posso dar milho ao meu gerbil? e enquanto metade das pessoas dizem "pode!"a outra metade diz "causa câncer!"...

O milho pode ser oferecido vez ou outra desde que você conheça o milho que está oferecendo. Vou explicar quais os tipos de milho e o que pode e não pode. Então vamos ao que interessa!




PROBLEMAS DO MILHO
O principal problema é que o milho que nós compramos, seja ele enlatado, cru ou em espigas, costuma ser trangênico. O problema não é o gerbil comer milho, mas principalmente comer milho trangênico ou com fungos! Os principais problemas do milho são:
  • Fungos
  • Conservantes
  • Ser consumido em excesso
  • Ser gorduroso
  • Ser Trangênico
O milho que vem na mistura de aves e roedores, costuma ser aquele milho mais vagabundo possível, transgênico é impróprio para o consumo humano. É esse milho que eles não devem comer. Se você comprar seu próprio pacotinho de milho de qualidade, pode misturar na comida deles.


MILHO TRANGÊNICO?
Se o milho for trangênico, ele é altamente prejudicial aos gerbils e hamsters! É ele que "causa câncer" como você encontra muita gente falando por aí. Não só causa câncer, como diversos problemas, como é o caso dos tumores e cistos. Ele é muito perigoso se for consumido regularmente e foi cientificamente provado que ele é um vilão aos roedores. O milho mais perigoso da dieta de um gerbil é o milho cru que vem adicionado nas misturas de sementes para hamsters e papagaios! Ao comprar uma ração dessas você deve remover a maior parte possível de milhos da mistura.


MILHO NA MISTURA DE SEMENTES
Não precisa tirar tudo, os gerbos podem comer um ou outro grão de milho que não vão morrer ou ter câncer, mas você deve retirar o máximo de milhos que encontrar. É importante também se certificar de que está comprando uma ração de qualidade para não colocar seus gerbils em um risco ainda maior. Afinal além do milho transgênico, lojas de ração podem vender misturas de sementes com fungos.


MILHO BRANCO DE CANJICA
Esse é o que tem mais benefícios. Você pode comprar um saquinho de milho para canjica no supermercado e misturar um pouco dele à comida dos seus gerbos. Além dos nutrientes dele, o milho branco é mais difícil de ser impróprio para o consumo, então pode confiar mais que no milho comum.


MILHO ENLATADO
NUNCA!!!! Se o milho já faz mau naturalmente, o que me dirá dos conservantes que existem em uma simples latinha? 


ESPIGA DE MILHO VERDE
Essa eu ofereço aos meus gerbils uma vez ou outra. Porque o milho verde não é tão prejudicial quanto o cru das sementes. Ao comprar um milho que seria destinado ao consumo humano, é mais fácil comprar um vegetal não trangênico. Procure por milhos em supermercados que já estejam embalados com rótulo de procedência e procure se está escrito que é milho orgânico. Aí você pode oferecer aos seus gerbos! Só não exagere, pois o milho continua sendo muito gordo e cabe apenas como uma guloseima, ok? Eu ofereço milho verde apenas de 6 em 6 meses para os meus gerbils!





BENEFÍCIOS DO MILHO

O milho deve ser evitado por poder conter fungos ou ser cancerígeno, mas não esqueça que ele o terceiro cereal mais importante do mundo (ao lado do arros e do trigo) além de ser uma rica fonte de nutrientes.

Independente do milho ser o trangênico ou orgânico, ele é um alimento que possui fibras, carboidratos, vitamina A e complexo B, proteínas e minerais como o ferro, fósforo, potássio e cálcio.

O principal mau que o milho faz aos gerbils é por ser muito gordo. Possui muitas calorias e carboidratos que encurtam a vida dos roedores. É por esse motivo que o milho deve ser dado uma vez ou outra! Porque se o gerbil comer muito milho, antes de desenvolver um tumor ou câncer ele morre de obesidade.

Ele possui  muitos liídios e amidos que os gerbils e hamsters não conseguem digerir muito bem. Então fica aquela dúvida: Ele pode fazer mau em excesso, mas tem tantas vitaminas...

Por isso eu dou milho aos meus gerbils, mas nunca aquele milho vagabundo, transgênico é impróprio para consumo que vem nas rações. Dou o milho verde 2 vezes por ano apenas para suprir algumas necessidades de vitaminas e proteínas. E as vezes coloco um pouco de milho branco para canjica na minha mistura de comida.


ATENÇÃO: Esse é a minha opinião e o que eu faço com os meus gerbils. É você quem decide se deve ou não incluir o milho na dieta dos seus roedores! E se for incluir, lembre-se que deve ser em pequena quantidade.


Texto: Vivian Roncon
Fonte auxiliar:
Lovely Hamster em http://www.lovelyhamster.com