GerbilECia no Insta

Entendendo o gene C - Colourpoint

Tecnicamente o gene C é chamado o locus Albino.
C é onde encontramos genes Chinchila ou Colourpoint.


c (chm) e C (h) são bastante semelhantes. c (chm) alivia um pouco as cores, deixando levemente mais escurecidas as extremidades (cauda e focinho), mas c (h) é capaz de clarear mais. É como água sanitária, de certa forma.
-=-=-=-=-=-=-
EM GERBILS DE OLHOS PRETOS (P)
  • COLOURPOINT - c (chm) c (CHM)
Imagem retirada da internet

Com o gene c (CHM), o gerbil é clareado, como se o gene fosse um alvejante! 
Mas este gene clareia as áreas quentes do gerbil (que possuem maior irrigação sanguínea e lógicamente mais calor do corpo do animal). O geril preto com o c (chm) vira o burmês... Ao nascer, ele não tem muita diferença entre os tons do corpo e das extremidades, mas ao crescer, as áreas mais frias (orelhas, focinho, cauda...) não são aquecidas o suficiente e o gene C (chm) que precisa ser aquecido para existir, diminui. Por isso as extremidades escurecem!

Estes gerbils que são colourpoints (siamês, burmês...) são denominados de CP.
CP = Colourpoint
C + P
C = gene C (CHM) + c (chm)
P = gene P (olhos negros)

Então se o gerbil tiver olhos negros (P) e o gene C (chm), ele é um gerbil colourpoint CP.
O CP antecipa a cor do gerbil... Como "CP Grey Agouti", "CP Slate", etc.

Um gerbil preto com estes genes é um CP Black, mas podemos chamá-lo de Burmês, segundo nome da cor.

OBS: Você pode encontrar em alguns sites este gene denominado como c (b) ou cb. Nesse caso o "b" vem do burmês, referindo ao gene que escurece as extremidades também. É a mesma coisa, só muda a escrita.

  • COLOURPOINT ILUMINADO / LIGHT - c (chm) c (h)
Imagem retirada da internet
Novamente utilizando um gerbil negro, o gene c (chm) + c (h), nos dá um gerbil siamês. (o burmês claro)
Como dito anteriormente, o gene c (CHM) seria o alvejante... Mas o gene c (h) é um alvejante ainda mais forte! Clareia ainda mais a cor do gerbil. Só para deixar claro... o c (CHM) clareia o gerbil, o c (h) clareia POR CIMA. Como se fossem duas mãos de clareamento hehe

No geral, ele clareia todo o animal, mantendo apenas a cauda e o focinho mais escuros.

Do mesmo modo que no exemplo anterior, o gene clareia mais as áreas quentes e por isso quando o gerbo cresce, as áreas frias escurecem (focinho, cauda, orelhas...). O gene c (h) também pode clareae um pouco os olhos, mas estes continuam sendo chamados de preto.

Estes gerbils são chamados de Colourpoint Iluminados ou LCP.
LCP = Light Colourpoint
L = gene c (h)
C = gene C (CHM)
P = gene P (olhos negros)

Um gerbil preto com estes genes é um LCP Black, mas podemos chamá-lo de Siamês, segundo nome da cor.

Imagem retirada da internet

Quando c (chm) e C (h) estão juntos em um golden agouti, temos um gerbil LCP agouti.


-=-=-=-=-=-=-
EM GERBILS BRANCOS DE OLHOS CLAROS

  • DTW (Branco de cauda escura) - c (h) c (h) P
Imagem retirada da internet

Os DTW nascem inteiramente brancos e apenas quando crescem a cauda escurece (justamente por ser mais fria que o resto do corpo e permitir que o gene c (h) c (h) a escureça. Se c (h) é um mega alvejante, ele duplicado faz o gerbil ser branco com os olhos cor-de-rosa! ( para quem não sabe, os olhos red são os vermelhos comuns e o pink é o vermelho super claro)

Apenas a cauda do gerbil fica com pigmentação e esta pode variar muito dependendo dos outros genes que o gerbo tiver. Mesmo que a genética do gerbil peça que ele tenha olhos pretos, a combinação c (h) c (h) clareia eles até transformá-los em rosa.

  • PEW (branco de olhos rosa) - c (-) c (-) pp
Agora, não adianta misturar e combinar genes recessivos se seus gerbils tiverem olhos pp.
Com os olhos pp, todos os filhotes nasceram PEW - Pink Eye White (branco de olhos rosa).
Ou seja... genes recessivos maravilhosos jogados fora =\
Se você tem um gerbil com genes recessivos e olhos pp, deve cruzá-lo com um gerbil de olhos pretos para que as cores raras CP, LCP, DTW, possam nascer!

Imagem retirada da internet
  • OLHOS COR DE ROSA - pp
Na maioria das vezes é preciso ter dois genes recessivos para fazer algo legal e apenas um gene sozinho não faz nada... Mas se o gerbil que recebe esse único gene recessivo tiver olhos pp, tudo muda!
Uma única dose de c (chm) ou C (h) faz uma cor nova.

A-CC pp: argente golden 
A-Cc (chm) pp: topázio
A-Cc (h) pp: argente creme

aa CC pp: lilac
aa Cc (chm) pp: safira 
aa Cc (h) pp: dove

Imagem retirada da internet
Estes são alguns exemplos! Argente creme é um pouco mais leve que o Argente golden, Sapphire é um pouco mais leve que o Lilac. 

OBS: Detalhe, se o gerbil possuir marcação (marcas brancas) a cor do seu corpo pode sofrer clareamento! Como um Argente golden marcado virar um Argente creme.

Tradução, Adaptação e Texto: Vivian Roncon